Notícias

Atlético desmente contato com Vanderlei Luxemburgo, que não renovou com Vasco

Por Redação, 13/12/2019 às 19:39
atualizado em: 14/12/2019 às 13:57

Texto:

Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

O Atlético negou que tenha procurado o técnico Vanderlei Luxemburgo, que não renovou contrato com o Vasco e anunciou a sua saída do clube carioca nesta sexta-feira. Em contato com o repórter Thiago Reis, da Itatiaia, o presidente Sérgio Sette Câmara desmentiu a informação trazida no meio da tarde desta sexta pelo jornalista André Hernan, do canal Sportv.

O perfil do novo treinador desejado pelo Atlético não bate com as características de Luxemburgo. Em entrevista à Itatiaia na última quarta-feira (11), o mandatário alvinegro afirmou que a diretoria “está procurando um profissional que possa chegar e não só treinar o time, como utilizar a base, revelar jogadores e que tenha uma visão moderna do futebol”.

Luxemburgo comandou o Atlético em 2010 e não deixou saudades na torcida. Contratado pelo então presidente Alexandre Kalil, o treinador desembarcou em Belo Horizonte no dia 9 de dezembro de 2009 festejado pelos torcedores no Aeroporto de Confins e, depois, na sede de Lourdes.

O título mineiro aumentou a expectativa, mas o time naufragou no Campeonato Brasileiro e entrou na zona de rebaixamento, o que custou o cargo do técnico no Galo. Luxemburgo foi demitido após a goleada por 5 a 1 para o Fluminense, no Engenhão, que deixou o Atlético com 21 pontos em 24 jogos na competição.

Desde sua saída do Atlético, Luxemburgo culpa a fratura na perna direita sofrida durante um rachão na Cidade do Galo em uma disputa de bola com o ex-volante Fabiano, que também é genro do treinador. Incapaz de comandar os treinos, o técnico ficou em uma cadeira de rodas e delegava as atividades para o auxiliar.

Diante de um mercado restrito, o Atlético segue na busca por um nome para comandar o time em 2020, após a definição que Vagner Mancini não continuará à frente da equipe. O treinador dirigiu o Atlético nos 13 últimos jogos do Campeonato Brasileiro e obteve 43,6% de aproveitamento. Foram quatro vitórias, cinco empates e quatro derrotas, 15 gols marcados e 14 sofridos.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link